Blue Flower

A União Europeia de Judo, num esforço de levar o judo a um número cada vez maior de pessoas, lançou o projeto “Judo at School” que, em Portugal conta, como parceiros, com a Federação Portuguesa de Judo, com o Ministério da Educação e com a Direção-Geral da Educação (Desporto Escolar).

Na verdade, na sequência da assinatura de um protocolo entre a Federação Portuguesa de Judo e a União Europeia de Judo, a 28 de janeiro de 2014, procedeu-se à assinatura de um protocolo entre a Federação Portuguesa de Judo e o Ministério da Educação, bem como à assinatura de um protocolo entre a Federação Portuguesa de Judo, o Ministério da Educação e a União Europeia de Judo, a 26 de janeiro de 2015, na cidade do Porto.

Em Portugal, o projeto “Judo at School” assume-se como um projeto desportivo, com um fundo educativo, através do qual, as crianças do 1.º, do 2.º e do 3.º ciclo do Ensino Básico e, ainda, os jovens do Ensino Secundário, podem usufruir da prática judo, em ambiente escolar, durante o seu período de atividades letivas, como aliás já acontece com o próprio judo e com outros desportos.

No âmbito do projeto “Judo at School” foram já realizadas 10 ações de formação, orientadas pelo Prof. Doutor José Mário Cachada (coordenador nacional da modalidade de judo no Desporto Escolar e responsável nacional pelo projeto “Judo at School”), pela Prof.ª. Doutora Ágata Aranha, pelo Professor José Eiró e pelo Professor Carlos Santos, que envolveram cerca de 200 professores de Educação Física e do Desporto Escolar, ao longo de 250 horas, no Porto, no Barreiro, em Faro, em Elvas, em Mafra, em Aveiro, em Beja, em Alcains, em Almeirim e na Póvoa de Varzim (ao longo dos anos letivos de 2014/2015 e de 2015/2016), estando já prevista mais 1 ação de formação, a ter início em janeiro de 2017 e que envolverá cerca de 20 professores de Educação Física e do Desporto Escolar, ao longo de 25 horas, em Chaves.

Estão, ainda, previstas, no âmbito deste projeto, ações de formação de curta duração, com a duração de 3 a 6 horas, sempre que possível em parceria com as Associações Distritais de Judo, reunindo, no mesmo espaço formativo, os professores de Educação Física e do Desporto Escolar com os treinadores de Judo, no sentido de possibilitar a colaboração entre todos os agentes de ensino - profissionais de topo (treinadores) / professores especializados no ensino do Judo (professores de Educação Física e treinadores) / professores de Educação Física e do Desporto Escolar.

A primeira ação de formação de curta duração, com a duração de 6 horas, decorreu no Algarve, mais propriamente, em Portimão, a 17 de outubro de 2015, estando a segunda ação de formação de curta duração, com a duração de 6 horas, prevista para Lisboa, a 16 de dezembro de 2016.

Na sequência do trabalho formativo realizado, e no respeito pelos protocolos anteriormente mencionados, datados de 2014 e 2015, foram então selecionados 10 agrupamentos de escolas para o desenvolvimento do presente projeto piloto, agrupamentos de escolas, esses, que receberam, durante a cerimónia, material pedagógico-didático que se pretende seja um agente facilitador do desenvolvimento do presente projeto piloto.

Irão dinamizar este projeto piloto os seguintes agrupamentos de escolas: Póvoa de Santa Iria (Vila Franca de Xira), Évora, Estremoz, Chamusca, Fontes Pereira de Melo (Porto), Cerco (Porto), Dr. Costa Matos (Vila Nova de Gaia), Júlio Dinis (Vila Nova de Gaia), Baixa Chiado (Lisboa) e Pinheiro e Rosa (Faro).

O material pedagógico que os 10 agrupamentos de escolas receberam, para o desenvolvimento do presente projeto piloto, constitui o denominado “kit escola”:

1 livro – “Cinquentenário da Federação Portuguesa de Judo”;
1 livro - “Mestre Kiyoshi Kobayashi”;
1 livro - “Nuno Delgado – uma história de vida, um ensaio para a excelência”;
1 livro - Telma Monteiro “Na vida com garra”;
20 manuais - “Judo at School”;
18 fatos de Judo personalizados (alunos);
1 fato de judo personalizado (professor).

(foto do site record.xl.pt)