Blue Flower

Hotel Gran Altis, em Lisboa, foi o local escolhido para a apresentação da candidatura à presidência da FPJ por parte de António Leal, no passado dia 17 de Setembro de 2016.

A data, que coincidiria com a data das eleições prevista antes da providencia cautelar certamente não foi escolhida ao acaso.

A JudoTuga teve acesso ao video promocional da campanha, apresentado perante uma vasta plateia com representantes de várias associações, clubes e do Judo um pouco de todo o país, e publica-o aqui:

O presidente da MAG da FPJ, Dr. Carlos Andrade, dá resposta ao líder da direcção da FPJ, Eng. Costa e Oliveira, dando a conhecer  a sua versão dos acontecimentos e encerrando "a sua participação" nesta polémica que se tem arrastando no Judo português.

Conheça aqui o comunicado na integra:

Direcção da FPJ, emitiu uma circular em resposta ao Sr.º Presidente da Mesa da Assembleia Geral de FPJ, que no passado dia 29 de Agosto divulgou uma mensagem sobre o assunto das eleições.

Podem aqui ler a circular, de 7 pontos, na integra:

"CIRCULAR Ns 2231L5
ASSUNTO: Mensagem do Presidente da MAG

A FPJ deu a conhecer o email enviado pelo Sr. Presidente da MAG, Dr. Carlos Andrade, relativamente ao processo eleitoral e à providencia cautelar interposta pelas Associações de Lisboa, Setúbal e dos Açores.

Dá-mos aqui conhecimentos do referido email, na integra, com a menção do que será feito de seguida, bem como decorreu todo este processo até este momento.

Já é conhecida a sentença da Providencia Cautelar interposta pelas Associações de Lisboa, Setúbal e Açores relativamente ao acto eleitoral em curso.

Pode ler-se no despacho que: "A matéria de facto adquirida neste procedimento cautelar, tendo
em atenção quer os factos admitidos pelas requeridos quer os elementos documentais juntos ao